Como saber se você tem perda auditiva? Primeiros sinais

De modo imperceptível ela surge, e aos poucos ela começa a prejudicar a vida das pessoas que a experimentam.

 

Ouvir e não compreender o que foi dito, inúmeros sons começam a ficar confusos. Na medida que o problema se agrava, é normal a pessoa começar a falar mais alto, pedir para que pessoas repitam o que foi dito anteriormente, o volume do telefone, da tv e das músicas começam a ser escutados em níveis bem mais altos.

Com esses acontecimentos sendo frequentes, é normal que a pessoa comece a evitar situações onde ela pode se sentir frustrada, e na medida em que o tempo passa é natural que ela comece a evitar esses momentos e venha a se isolar.

 

Por isso é importante que a pessoa esteja atenta aos sintomas gerados pela falta de audição para poder tratá-la o mais rápido possível.

 

Quando a perda auditiva aparece ela traz consigo transformações no sistema auditivo fazendo o tímpano perder a elasticidade e as articulações do ouvido médio enrijecerem influenciando na transmissão do som. Já no ouvido interno o número de sensores das células diminuem resultando em uma queda na perceção dos sons.

Abaixo listamos alguns sintomas comuns entre pessoas que têm perda de audição:

  • Você pede frequentemente as pessoas para repetirem o que disseram.
  • Costuma assistir televisão com som muito alto
  • Dificuldade ao escutar as pessoas no telefone
  • Muitas pessoas parecem estar resmungando e falando de modo incompreensível.
  • Você tem que esforçar-se muito para entender e acompanhar um diálogo.
  • As pessoas reclamam de sua falta de atenção.
  • Você tem dificuldade de acompanhar uma conversa quando várias pessoas falam ao mesmo tempo.
  • Você tem dificuldade de entender uma conversa quando há ruídos de fundo.
  • Você tem dificuldade de entender um diálogo produzido por voz feminina ou por uma criança.
  • Você está sempre na fileira da frente na sala de aula, em auditórios, em quadras esportivas e estádios, uma vez que tem que estar muito concentrado para ouvir o que está sendo dito.
  • Alguns sons aparentam estar distorcidos para você.

 

Se você sofre de três ou mais dos sintomas citados, consulte imediatamente seu médico

 

Quais são os graus de perda auditiva?

As perdas podem ser classificadas em: leves, moderadas, severas e profundas. Uma pessoa que tenha audição normal geralmente escuta sons abaixo de 25 decibéis.

Quem sofre de perda auditiva leve (de  26 a 40 dB) sofre de incapacidade de ouvir sons suaves, dificuldade em compreender a fala com clareza em ambientes com ruído.

Na perda auditiva moderada (de 41 a 70 dB),  a pessoa não consegue ouvir  sons suaves a moderadamente altos, dificuldade considerável em compreender a fala, principalmente na presença de ruído de fundo.

Já no caso da perda severa (71 a 90 dB), alguns sons altos são audíveis, mas a comunicação sem o aparelho auditivo é impossível. E na perda profunda  (acima de 91 dB) apenas alguns sons extremamente altos são audíveis, mas o aparelho auditivo é fundamental.

O tratamento da perda auditiva é muito importante, pois caso não seja feito o indivíduo pode experimentar sentimentos de frustração, embarassamento e ainda pior amargura e solidão.

 

Como é feito o diagnóstico da perda auditiva?

É preciso que a pessoa passe por uma audiometria para que seja constatado o déficit auditivo.

Fonte: National Institute on Deafness and Other Communication Disorders, NIDCD, SHHH & Hearing Loss: The Journal of Self Help for Hard of Hearing People, May/June, 2003.

Oportunidade única: Teste o aparelho gratuitamente por 7 dias

Ligue agora para reservar seu horário! (11) 4561-7971

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *